window.lintrk('track', { conversion_id: 13086145 });
top of page

Automações Inteligentes: entenda o potencial da RPA

Descubra como a RPA pode aumentar a eficiência e reduzir custos na sua empresa. Explore os benefícios e tendências da automação inteligente com a Dataside.


Cada vez mais as empresas estão adotando a automação inteligente para transformar suas operações, buscando eficiência e precisão com a Robotic Process Automation (RPA).


A RPA é uma tecnologia que utiliza bots de software para automatizar tarefas repetitivas e baseadas em regras.


Neste artigo, você vai compreender um pouco mais sobre o conceito de RPA (Robotic Process Automation), quais são os benefícios desse tipo de aplicação para as empresas e algumas tendências futuras dessa tecnologia!


Entendendo a RPA

Robotic Process Automation (RPA) refere-se ao uso de software, ou bots, para realizar tarefas que normalmente seriam executadas por humanos.


Esses bots são capazes de interagir com sistemas e aplicações, replicando ações humanas, como entrada de dados, processamento de transações e respostas a consultas.


O RPA funciona com base em scripts de emulação que imitam o comportamento humano e, se necessário, consegue interagir com uma ampla variedade de sistemas sem precisar alterar qualquer infraestrutura existente.


Ou seja, a RPA é um bot que utiliza tecnologias de automação inteligentes para replicar tarefas repetitivas direcionadas por humanos.

Benefícios da RPA

Agora que você já entendeu melhor o que é RPA, também é importante saber quais são os benefícios dessas automações e como elas têm gerado valor em alguns negócios:


  • Aumento da eficiência: bots operam 24 horas por dia, 7 dias por semana, realizando tarefas com rapidez e precisão, resultando em maior produtividade e redução de erros humanos.

  • Redução de custos: a RPA diminui a carga de trabalho das equipes, permitindo que o pessoal seja realocado para outras atividades estratégicas que exigem maior prioridade.

  • Os sistemas existentes permanecem inalterados: a RPA opera diretamente na interface dos aplicativos atuais, sem interromper os sistemas subjacentes. Isso permite implementar robôs mesmo sem interfaces de programação de aplicativos (API) ou recursos para integrações complexas.

  • Cumprimento regulatório: como os robôs de RPA podem ser programados para seguir fluxos de trabalho e regras específicas, é possível reduzir erros humanos, especialmente em tarefas que exigem alta precisão e conformidade com padrões regulamentares.


Tendências e Inovações

À medida que a RPA evolui, várias tendências estão moldando o futuro desta tecnologia:

  • Integração da RPA com Inteligência Artificial e Machine Learning: esta combinação permite a automação de tarefas mais complexas, que envolvem tomada de decisões e análise de dados. Segundo pesquisas da Gartner, a previsão é que, até 2025, 90% dos fornecedores de RPA oferecerão automação assistida por IA.

  • Automação cognitiva: Bots estão evoluindo para lidar com processos que requerem julgamento e adaptação, além das tarefas repetitivas. Isso significa que a RPA pode ser aplicada a uma gama ainda maior de processos empresariais.

  • RPA em Ambientes de Nuvem: A RPA baseada na nuvem está ganhando popularidade devido à sua facilidade de implantação, escalabilidade e custo-benefício. A Gartner prevê que mais de 20% das iniciativas de RPA migrarão para a nuvem até 2024, oferecendo agilidade e flexibilidade às organizações.


A Robotic Process Automation (RPA) está revolucionando os processos empresariais, oferecendo eficiência, redução de custos e melhorias na qualidade dos processos. Com a contínua evolução da tecnologia e a integração com inteligência artificial, o futuro da RPA promete ainda mais inovações e oportunidades.


Para que as empresas se mantenham sempre à frente e inovando, é crucial buscar parceiros estratégicos que possam oferecer suporte especializado e soluções avançadas.




Comentarios


bottom of page